sexta-feira, 18 de maio de 2012

ALEGADAMENTE RELVAS
Se publicarem a notícia, envio uma queixa à ERC, promovo um "black out" de todos os ministros ao Publico, e divulgo na Internet dados da vida privada da jornalista.


O melhor é ler o Comunicado do Conselho de Redação do Publico e, para além do que se refere concretamente ao ministro Relvas, pasmar-se, ou não, com as posições da editora de Política e da Diretora do jornal Barbara Reis, que não deram grande importância ao caso por já estarem habituadas a este tipo de ameaças vindas de ministros.

E viva a Liberdade de Imprensa, o Estado de Direito, e a Democracia Ocidental.


Adenda
O Publico diz que o ministro Relvas pediu desculpa. Pediu desculpa? E do que é que está à espera para pedir a demissão?

3 comentários:

  1. Como diria o filósofo, porreiro pá.

    ResponderEliminar
  2. A verdadeira geração rasca.

    ResponderEliminar
  3. Este Coiso não é relvas, é mais erva daninha.

    ResponderEliminar