quarta-feira, 23 de setembro de 2015

SERÁ QUE O VEREADOR FERNANDO COSTA DO PSD DE LOURES
Pensa que a Câmara de Loures é a moderna reencarnação de uma das tias ricas do Vasco Santana?


Lembram-se daquele personagem, interpretado por Vasco Santana, do filme A Canção de Lisboa, que passava a vida a cravar as tias ricas da província, dizendo-lhes que era um médico famoso, quando não passava dum cábula e dum estroina?

Pois é isso que me vem à ideia quando leio um daqueles posts do vereador Fernando Costa sobre qualquer questão do concelho de Loures que seja da responsabilidade do governo, e que acaba invariávelmete com o vereador Fernando Costa a defender que a Câmara de Loures (tal como as tias ricas do filme) deve também suportar os custos daquilo que é da responsabilidade do governo estróina e incompetente de Passos Coelho.

Fala-se do Centro de Saúde de Santa Iria da Azóia, cuja construção é da responsabilidade exclusiva do governo, e logo aparece o vereador Fernando Costa a propor que a Câmara de Loures pague uma parte.

Fala-se do IMI, e lá vem o vereador Fernando Costa de novo propor que a Câmara de Loures abdique de parte dessa receita, presumo que para compensar os contribuintes dos enormes aumentos de impostos de Passos.

Parece que Fernando Costa ainda não interiorizou que nem a Câmara de Loures é uma tia rica (aliás o PS deixou-a quase à beira da miséria), como tem para cima de 200 mil sobrinhos mais necessitados do que Passos e os seus 40 ministros e secretários de estado.

Sem comentários:

Publicar um comentário