quarta-feira, 19 de junho de 2013

A propósito da contestação no Brasil
JÁ NÃO HÁ TRABALHADORES, O POVO FINOU-SE, AGORA SOMOS TODOS CLASSE MÉDIA.


Como políticos, sociólogos, economistas e comentadores da neoliberal persuasion não se cansam de nos explicar, os assalariados agora são colaboradores, os biscateiros empreendedores, e quem não é sem abrigo pertence inevitavelmente a esta novíssima classe média.

Para mostrar aos seus leitores o crescimento e dimensão desta classe média que agora se manifesta em várias cidades do Brasil, o Wall Street Journal publica o quadro acima que inclui na classe média todos os que têm um rendimento entre 100 e 350 euros mensais (cambio 1 euro = 2.9 reais).

Acima dos 350 euros mês já é tudo classe alta, com direito a cobertura no Leblon, e iate ancorado  em Búzios.

Sem comentários:

Publicar um comentário